Minha primeira amiga americana estava sentada com o notebook sozinha, no canto da sala de espera. Eu e a minha cara de pau, precisavam entrar em ação, já que a merda do telefone publico não funcionou ne!
Com aquele inglês bem fuleiro e com mímicas, soltei: _ 

Com licença, você e de onde? _ 
Oi, eu sou de Ohio. _ 
Não consegui usar esse telefone, e preciso ligar para uma pessoa de NY. Você pode me ajudar? 
Claro, pode usar meu telefone por uma hora, fique a vontade.

Ufa! Deu! Família avisada, chorei chorei e chorei, depois de desabafar o aperto que tinha acabado de passar.

Devolvi o telefone, e com a maior cara de pau do século, disse que estava viajando ha mais de 7 horas e precisava falar com a minha mãe no Brasil,mas meu WIFI não funcionava. Ela entregou o notebook pra mim e disse que eu poderia usar. Que fofa cute linda vem pra eu te abraçar bem forte!
Depois de ambas as famílias avisadas, postei no facebook que tava viva, e pronto. Conversei mais um pouco com a Laura, nos adicionamos no face, e eu me despedi. Tinha uma hora para comer, ir ao banheiro e atravessar o aeroporto atrás do meu portão de embarque. Puta merda, pra que tao longe Jesus?
Finalmente me localizei, mas quando cheguei na sala de espera, tinha um painel gigantesco avisando: FLIGHT TO LATE.
LEGAAAAAAAAAAAAAALLLLLLLLL!!!!

Mais uma hora e meia de espera ate o avião sair. No primeiro voo do Brasil ate a Carolina do Norte, serviram café e almoço, e gente, QUE DE LI CI A! No segundo voo não tinha nada. bleeh..
O vôo saiu 15 min antes do previsto no painel de atraso. Do meu lado, tinha um americano chamado Shon. (Nem sei se escreve assim, whatever..) Preciso falar dele,porque fiquei admirada. Não e fácil encontrar por ai caras de meia idade com cara de novo, casado e que se importa com a família como ele. Digo isso, porque pude perceber que nos dois celulares tinha a foto de uma baby fofa, enquanto ele trocava de tela entre um e-mail e outro. Pouco antes de eu dormir, vi que ele pegou um livro que ensinava educar crianças, e pelo que eu entendi, ele abriu numa parte que falava que o pai era o Herói da filha. Achei fofo. Ele poderia estar fazendo N coisas, mas estava ali, lendo sobre como ser um bom pai. Gente, fala serio, não é lindo?
Quando chegamos a NY, eu vi aquela cidade de cima. Acho que era Queens. Foi então que eu percebi o como somos egoístas e insignificantes. Cada luz La embaixo era uma casa. Tinha também dois campos enormes futebol americano. Fiquei olhando fixamente para não me permitir nunca esquecer daquilo. Acho que todo mundo tem que ter a oportunidade de olhar a vida de cima alguma vez. E encantador e lindo. Quando diziam que viajar
Finalmente pousamos em NY, e tava um frio DO CASSETE, tenho que dizer. Não sei quantos graus exatamente, mas tava lá perto do 0, com certeza. Quando fui buscar as malas, pude ver Suzye, Eddie e Chris. Os três estavam me esperando com flores e um sorriso no rosto. Não sabia quem chorava mais, eu ou Suzye, minha host mom. Jordyn, minha “irmã” não foi me buscar no aeroporto, e a outra filha, e casada, e estava com as crianças em casa. Cheguei as 21 horas em NY, mas pro meu corpo, o fuso horário era de mais três horas. Estava, literalmente, morta.
5 Comentários

Você também poderá gostar de:

:bye: 
:good: 
:negative: 
:scratch: 
:wacko: 
:yahoo: 
B-) 
:heart: 
:rose: 
:-) 
:whistle: 
:yes: 
:cry: 
:mail: 
:-( 
:unsure: 
;-) 
 

  1. dez 12, 2013

    CONTA MAISS!!!!!!!!
    To adorando kkk
    <3

    [Responder]

  2. dez 12, 2013

    kkkkkkkkk amei, conta mais

    [Responder]

  3. dez 15, 2013

    Li todo conteúdo do seu blog e me identifiquei com a historia tua e o do teu Pai. Não são histórias iguais, eu diria que são bem parecidas e igual deve ser o nosso sentimento sobre a história.

    Como se não bastasse, sou viajante nata, mas por enquanto só pelo Brasil, não sei nada em inglês e sempre viajo sozinha, acho que aí mora a insegurança.

    Estou ansiosa pra continuar sabendo sobre sua viagem! Quero me basear e aprender ingles urgentemente.
    Beijos
    http://amandamessias.blogspot.com.br/

    [Responder]

  4. suelen teixeira
    jul 01, 2014

    Oiii Larissa… nao tenho mtu costtume de acompanhar blogs…. ja fui… mais hoje em dia nao… hoje no face vi um post seu me interessei, gostei… vi algumas coisas.. e fui vendo…. e voltei aos primeiros post como esta vendo aki…. por curiosidade, velhoooooo que historia é esssa? namoral teve horas que tive vontade de chorar, vou continuar lendo e quando for dando vou comentando rs…. depois te add no face

    [Responder]

    Gravatar

    Larissa Bés Respondeu:

    Ola Suelen! Nossa, esses posts são antiguinhos, eu até deletaria mas como conta um pouco da minha história com o blog eu deixei mesmo assim, hehehe. E MUIIITOOOOOO obrigada por comentar aqui no blog e me permitir saber que tenho você como leitora, espero que volte sempre e eu possa continuar te agradando, beijao!

    [Responder]